Buscar
  • Tênis na Mala

A emblemática montanha Huayna Picchu

A incursão pela emblemática montanha Huayna Picchu é um passeio pouco conhecido em roteiros turísticos tracionais pelo Peru. Encarar essa aventura não foi uma tarefa fácil. Inicialmente topei a missão sem saber o que me aguardava. Ao longo da viagem, fui descobrindo que subir essa montanha era uma missão para poucos! Literalmente poucos, pois das milhares de pessoas que chegam ao santuário de Machu Pichu, apenas 200, por dia, podem entrar, em um horário determinado na trilha para essa montanha. Para resumir alguns trechos dessa aventura, selecionei três fotos e três legendas. Confira:


Foto 1

Foto 1: A beira de um abismo, essa construção maia fica no topo da Huayna Picchu. Essa montanha é aquela grande que aparece atrás das fotos tradicionais do santuário de Machu Picchu. Ela lembra muito o Pão de Açúcar do Rio de Janeiro.


Foto 2

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Foto 2: Vista de Machu Picchu pelo topo da Huayna Picchu. Dizem que o contorno da construção do Santuário foi projetado em um desenho de uma ave, ser mítico da rica tradição andina.


Foto 3

Foto 3: Momento em que eu quase desisti de continuar a trilha por achá-la perigosa demais para seguir adiante. Apesar da boa sinalização, de todo o cuidado na manutenção das escadarias e das cordas de segurança, o lugar é muito alto! Há vários pontos verticais de caminhada, com escadas estreitas e a beira de um abismo. Na sequência da desistência, encontrei com um guia que me disse que não tinha como voltar. Só me restou respirar fundo, controlar a fobia e seguir em frente.


Final da história: Foi incrível a sensação de ter vencido essa montanha tão emblemática! Passei os dias antes da subida só pensando se eu iria dar conta e, no final, deu tudo certo! A sensação depois da aventura, foi de um misto de alegria, superação, cansaço e muita endorfina!

14 visualizações1 comentário